Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Me Cookies and Milk

Me Cookies and Milk

Há um ano...

Foi há 1 ano que regressei a casa com o Martim. Assim que abrimos a porta lembro-me de respirar fundo e pedir forças para conseguir criar aquela cria.

O Martim tinha a fralda cheia, por isso os sacos foram deixados à sorte no chão, apressei-me para lhe troca a fralda e pedi ao pai que ficasse a olhar um bocadinho por ele enquanto a levava ao lixo. Fui para a casa de banho e chorei durante largos minutos. Estava em pânico. Cheia de dúvidas (que ainda tenho) sobre se conseguia tomar conta do Martim e continuar a ser  mãe que o Dinis precisava. Chorei essa noite e ainda choro com tantas dúvidas e medos.

O tempo passou e o Martim fez um ano no passado domingo. Não posso dizer que o tempo passou a correr, porque não passou. Vivi cada dia deste último ano intensamente. E isso faz com que tenha a noção do tempo e o "sinta" dia após dia.

Hoje o Martim já não consegue dormir no meu peito todo esticadinho, nem faz sestas no fim de cada mamada. Hoje o Martim adormece com a cabeça sobre o meu peito e perninhas dobradas. Hoje sinto exactamente o mesmo que senti há um ano, um amor que não se explica e insegurança de se tenho tudo que preciso para cuidar dele como ele merece.